Ministério Público do Trabalho move 131 ações no polo gesseiro do Araripe de Pernambuco


Relatório parcial do Projeto Gesso foi concluído pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) no mês passado. A principal finalidade da ação é regularizar as condições de saúde e segurança no trabalho no polo gesseiro do Sertão do Araripe pernambucano, responsável pela produção de cerca de 95% do gesso do Brasil. No período de dois anos, 161 empresas foram inspecionadas, 131 ações civis públicas foram movidas e 2.288 trabalhadores beneficiados. As indenizações por danos morais somam R$ 800 mil.
Dados preliminares foram apresentados no fim de agosto pelo coordenador do projeto, o procurador do Trabalho Ulisses Dias de Carvalho. Ele avalia que a situação geral dos trabalhadores ativados nas empresas inspecionadas vem melhorando, a partir da extensão da atuação e das informações colhidas nas visitas realizadas nos municípios que integram a região do Araripe, embora alguns estabelecimentos tenham sido fechados.
O procurador também constatou que há informações de diminuição no número de reclamações trabalhistas ajuizadas contra as empresas do polo nos últimos 12 meses, mesmo com a grave crise econômica em curso no Brasil.

 Alvinho Patriota
Marcadores:

Postar um comentário

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget