Socorro Pimentel critica gestão da saúde pública em Pernambuco

A qualidade da gestão dos hospitais públicos estaduais foi alvo de críticas da deputada Socorro Pimentel (PTB) no Pequeno Expediente dessa terça (25), na Assembleia. Ela citou casos de superlotação e falta de insumos básicos, além de alegar ausência de transparência na prestação de contas dos estabelecimentos de saúde no Estado.
 
A parlamentar citou como exemplo o que vem ocorrendo no Hospital Getúlio Vargas (HGV), no bairro do Cordeiro (Recife), que disponibilizou 72 novos leitos de emergência nessa segunda (24). “O Governo tem produzido imagens para tentar impressionar a população no período eleitoral, como nessa farsa protagonizada pelo secretário de Saúde Iran Costa Junior. Visitei o hospital hoje pela manhã e o que observei foram pessoas amontoadas nos corredores da emergência inaugurada ontem”, relatou.
 
Socorro Pimentel também contou situação ocorrida na semana passada, quando uma pessoa teria sofrido uma parada cardíaca no HGV e não pôde ser deslocada para a unidade semi-intensiva por conta de uma falha no elevador da unidade. “A inauguração de novos leitos não vai trazer a vida dessa paciente de volta”, considerou. Ainda segundo a deputada, faltam remédios e equipamentos básicos de higienização no hospital.
 
“O gestor da saúde estadual nem presta mais contas por esse cenário, como mostrou a desastrosa atuação dele na última vez que esteve aqui na Alepe”, avaliou a deputada. “Temos enfermeiros há 14 anos sem aumento e diversas falhas na atuação de organizações sociais de saúde (OSS), principalmente na transparência de suas ações”, enumerou a petebista.

 
Assessoria de Comunicação
Marcadores:

Postar um comentário

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget