Após chuva derrubar muro, TJPE manda interditar cadeia pública de Trindade

A Corregedoria Geral do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) determinou a interdição da cadeia pública do município de Trindade, no Sertão do Estado. A decisão foi tomada após a queda do muro lateral da unidade, na segunda-feira (25), devido às fortes chuvas.
A Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres) informou que, por medida de segurança, 18 presos foram transferidos para cadeias próximas. Eles devem permanecer nas outras unidades até a conclusão dos serviços de recuperação do muro.
Ofício enviado à corregedoria destacou que a cadeia pública de Trindade não apresenta boas condições físicas, inclusive recentemente foi palco de uma rebelião, na qual a estrutura, que já era precária, foi bastante danificada pelos detentos.
Após a queda do muro, na segunda-feira, foi solicitada à Defesa Civil uma avaliação técnica da estrutura do prédio.
O desembargador Fernando Cerqueira dos Santos, corregedor geral da Justiça, determinou que a reforma dos muros seja feita até o dia 17 de junho deste ano, período máximo para que os 18 detentos também retornem à cadeia de Trindade.
 Ronda JC
Marcadores:

Postar um comentário

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget