Março 2020

Após o anúncio do 1º caso positivo para Coronavírus 🦠 em Ipubi, o Prefeito Chico Siqueira anunciou mais medidas emergenciais para conter à propagação do vírus e o aumento dos casos no município. Confira: 

Aquisição de 300 exames rápidos para COVID-19, com objetivo de testar suspeitos e acelerar o diagnóstico;

Implantação de 07 Isolamentos com leitos no Hospital de Ipubi e nas Unidades Mistas de Serra Branca e Serrolândia;
 Aquisição de 15 mil máscaras para os portadores de doenças crônicas, idosos e população em situação de vulnerabilidade social;

Contratação do Médico Infectologista Dr. Pablo Pita para auxiliar os profissionais de saúde e atender os casos suspeitos no Hospital Marcelino Mudo;

Contratação de Frota de Pulverização para desinfecção da sede do município e dos distritos

Disponibilização de Ajuda de Custo no valor de R$200,00 para os feirantes atingidos coma Suspensão da Feira Livre de Ipubi e de Serrolândia, que comercializem alimentos perecíveis e hortifrutigranjeiro.


ASCOM

A prefeitura de Ipubi, no Sertão de Pernambuco, confirmou nesta segunda-feira (30), o primeiro caso do novo coronavírus no município. O paciente apresentou os sintomas e foi encaminhado para um hospital, onde mantém quadro estável.

De acordo com a prefeitura, a Secretaria de Saúde está monitorando as pessoas que tiveram contato com o paciente.

Ipubi contabiliza um caso confirmado da Covid-19, um suspeito e um descartado.


G1 Petrolina


Por Francisco Monteiro

Na noite de sábado os vereadores Dida e Everaldo Valério oficializaram por e-mail a presidência da casa legislativa de Ouricuri, realocando as emendas impositivas orçamentárias individuais, referente ao Exercício dos anos 2019 e 2020 de autoria dos mesmos a ação de combate ao corona vírus conhecido como COVID-19 .

Além de pedir urgência na ação o Vereador Everaldo Valério detalhou destinação, no valor de 74 mil de uma ambulância para o Povoado de Jatobá, bem como 106 mil reais a ser destinada a distribuição de cestas básicas, destinadas as famílias carentes dos bairros e zona rural do nosso município.

O vereador Dida destinou valor igual de setenta e quatro mil, para ambulância a ser alocada no Bairro Alto Paraíso e 106 mil para cestas básicas.

Os dois parlamentares fazem forte apelo para que a gestão atenda com urgência urgentíssima execução do recurso destinado, finalizou o Vereador Dida.

Diario de Pernambuco

Um novo golpe aplicado por WhatsApp promete a liberação de um auxílio emergencial no valor entre R$ 600 a R$ 1.200 para beneficiários do Programa Bolsa Família. De acordo com a Polícia Federal, quem fizer um cadastramento através de um link enviado por mensagens através das redes sociais, tem seus dados expostos a um grupo criminoso que efetua compras online, abre contas, solicita cartões de crédito e faz empréstimo em nome das vítimas.

De acordo com a PF, o link já não está mais ativo e começou a circular no final da semana passada, depois que o Congresso Nacional aprovou a liberação do benefício que ainda deve passar pela votação no Senado e sanção presidencial. Quem tem direito a receber os valores deve se informar em canais oficiais de comunicação e do próprio Governo Federal, que não envia mensagens por e-mail ou redes sociais.

Segundo alerta divulgado pela PF, o golpe avisa que a pessoa tem direito a receber um benefício financeiro no valor entre R$ 600 e R$ 1.200 reais de auxílio emergencial para ter uma renda e para isso basta apenas fazer um cadastramento pelo link malicioso. Ao clicar na mensagem, a vítima é direcionada para responder se tem filhos, se é trabalhador autônomo e pede confirmação de auxílio emergencial. Depois, a pessoa é direcionada para preencher um cadastro com informações pessoais, como número de CPF, RG, número da conta corrente e senha.

De posse desses dados, é possível abrir contas correntes em bancos virtuais ou físicos, com acesso a cartão de crédito e cheque especial. O responsável pelo golpe, pode, inclusive, abrir empresas fantasmas e fazer compras pela internet tudo em nome de terceiros.

Segundo a PF, esses cibercriminosos também podem instalar programas maliciosos nos celulares e computadores para ter acesso a senhas, fotos, vídeos e mensagens. De acordo com a polícia, o link que foi utilizado para aplicação dos golpes já foi bloqueado.


Para dar veracidade a mensagem, os golpistas exibem relatos em redes sociais de supostas pessoas que já fizeram o cadastramento. Até mesmo a logo do Governo Federal é utilizada para dar credibilidade ao golpe.

A vítima ainda é incentivada a compartilhar o link com todos os seus amigos e contatos do WhatsApp, espalhando a fraude e tornando as pessoas de seus contatos vítimas em potencial de possíveis outros golpes orquestrado pela quadrilha e no final a vítima é informada que receberá em 5 minutos o número do seu protocolo de cadastramento.


Dicas de como se proteger

1. Ao receber uma mensagem deste tipo, desconfie sempre antes de clicar nos links compartilhados no WhatsApp ou nas redes sociais. 

2. Não compartilhe links duvidosos com seus contatos sem antes saber se são autênticos – você pode estar sendo usado por bandidos para espalhar o golpe e prejudicar outras pessoas, inclusive seus parentes.

3. Cuidado com o imediatismo de mensagens tais como: agendamentos liberados até hoje, último dia para o saque, urgente, não perca essa oportunidade, quase sempre tais conteúdos querem fazer com que as pessoas não averiguem a veracidade do conteúdo nas páginas e órgãos oficiais.

4. O Cadastramento do Auxílio Emergencial é falsa porque depende, ainda, da aprovação do Senado Federal e em última instância passará pela sanção do presidente da República, que deverá publicar um decreto sancionando à medida.

5. Nenhum órgão do governo federal se comunica solicitando dados e informações dos seus beneficiários ou servidores através de links via WhatsApp;

6. Certifique-se no site oficial da empresa ou governamental sobre a veracidade do que está sendo oferecido, principalmente quando se tratar de supostas promoções, ofertas de dinheiro, brindes, descontos ou até promessas de emprego. Nesse caso, o Ministério da Cidadania já esclareceu e alertou que são falsas as informações do link acerca de um suposto Cadastramento Emergencial.

7. Nunca preencha nenhum cadastro, formulário ou pesquisa fornecendo seus dados financeiros ou pessoais através de links enviados pelo WhatsApp;
8. Nunca baixe programas piratas para o celular ou computador, tais sites costumam ter a maior concentração de vírus;

9. Instale um bom antivírus em seu celular ou computador e tenha o sistema operacional do seu celular e computador atualizados.

Diante do cenário atual de avanço da pandemia do novo coronavírus (covid-19), a Votorantim anuncia que adotará, por meio do Instituto Votorantim, medidas para contribuir com a sociedade brasileira na luta contra o avanço da propagação do vírus e seus efeitos.
O Instituto Votorantim atuará em duas frentes: redirecionamento de projetos atualmente em execução nos municípios em que as empresas da Votorantim estão presentes, com foco em ações para o combate ao novo coronavírus; e apoio financeiro adicional de R$ 50 milhões às autoridades públicas, instituições de saúde e entidades privadas da sociedade civil, na compra de itens como kits para teste, respiradores e demais equipamentos essenciais.
As iniciativas terão apoio técnico e médico da Beneficência Portuguesa de São Paulo, organização apoiada historicamente pela Votorantim.

Projetos do Instituto Votorantim

O Instituto Votorantim e as empresas investidas da Votorantim atualmente conduzem mais de 300 projetos, nas cinco regiões do Brasil. Nas próximas semanas, grande parte dessas iniciativas será redirecionada, dentro de suas áreas de execução, para ter foco no combate ao covid-19.
Esta primeira frente de atuação terá como base a identificação das necessidades dos municípios mais vulneráveis e com faixa etária mais elevada, envolvendo a prevenção com disseminação de conhecimento e também assistência à população, por meio da distribuição de itens de higiene e de subsistência, além da doação de equipamentos de segurança para profissionais de saúde.

Doação adicional

Na segunda frente de atuação, a Votorantim irá aportar R$ 50 milhões, adicionais ao investimento social anual já realizado por suas empresas, para apoiar autoridades públicas, instituições de saúde e entidades privadas da sociedade civil na compra de equipamentos como respiradores e máscaras, além de testes e outros itens de suporte hospitalar para os profissionais de saúde e

para a população. A intenção é que parte do dinheiro seja aplicada nas cidades de pequeno e médio portes, que serão priorizadas de acordo com as maiores vulnerabilidades nos municípios, antecipando a reação à disseminação da pandemia pelo interior do país.
Com essas ações, a Votorantim reafirma seu papel de empresa cidadã comprometida com o país e os brasileiros. O desafio de enfrentar os efeitos do covid-19 é enorme, mas a Votorantim reforça a crença de que, com a união de esforços de poder público, empresas e sociedade civil, trabalhando de forma coordenada e em sintonia, esta crise de saúde será superada.

ASCOM

Durante entrevista neste sábado (28) na Rádio Liberal FM, o Prefeito de Ipubi Chico Siqueira (PSB) anunciou mais medidas que visam prevenir à proliferação do novo Coronavírus e diminuir o impacto econômico causado no município, como a suspensão por tempo indeterminado da Feira Livre e uma ajuda de custo no valor de 200,00R$ para todos os feirantes ipubiense que comercializam gêneros alimentícios perecíveis e hortifrutigranjeiro. A medida pioneira na Região do Araripe garantirá renda mínima para as famílias que dependem diretamente da feira livre para ganhar o seu sustento.

Ao lado da Secretária de Saúde Silvanete Andrade e do Secretário de Governo Silvino Sobrinho, Chico Siqueira ainda anunciou a aquisição e distribuição de 15 mil máscaras para todas as pessoas em situação de vulnerabilidade social e portadores de doenças crônicas, uma ação itinerante da Secretaria Municipal de Assistência Social em parceria com a Saúde. “A prioridade será para os grupos de riscos e para os que mais precisam. Por isso contamos com a compreensão de todos”, explicou o Prefeito.

Também foi informado pelo Prefeito a aquisição de 30 Testes Rápidos de COVID-19 para a Secretaria Municipal de Saúde, para que sejam utilizados nos casos suspeitos, evitando assim a propagação do vírus entre os munícipes.

  Assessoria de Comunicação

JC,Estadão Conteúdo

Trabalhadores informais podem receber um vale de R$ 600 durante a crise provocada pela pandemia do novo coronavírus. Para mães que são chefe de família (família monoparental), a cota emergencial será paga em dobro, R$ 1.200. A medida foi aprovada na Câmara dos Deputados, na noite desta quinta-feira (26), e será votada no Senado nesta segunda-feira (30). O benefício deve durar três meses, podendo ter período prorrogado pelo Executivo.

Forma de pagamento do auxílio

Segundo o projeto, o auxílio emergencial será pago por bancos públicos federais por meio de uma conta do tipo poupança social digital.

Essa conta será aberta automaticamente em nome dos beneficiários, com dispensa da apresentação de documentos e isenção de tarifas de manutenção. A pessoa usuária poderá fazer ao menos uma transferência eletrônica de dinheiro por mês, sem custos, para conta bancária mantida em qualquer instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central.

A conta pode ser a mesma já usada para pagar recursos de programas sociais governamentais, como PIS/Pasep e FGTS, mas não pode permitir a emissão de cartão físico, cheques ou ordens de pagamento para sua movimentação.

Se a pessoa deixar de cumprir as condições estipuladas, o auxílio deixará de ser pago. Para fazer as verificações necessárias, os órgãos federais trocarão as informações constantes em suas bases de dados.

O valor é maior que os R$ 300 que haviam sido avalizados pelo governo em meio às negociações dos últimos dias. Inicialmente, a equipe econômica havia proposto um benefício de R$ 200 mensais. Mesmo com o aceno do governo, o relator, deputado Marcelo Aro (PP-MG), tinha decidido incluir no texto o valor de R$ 500. Na última hora, ele anunciou um acordo fechado com o líder do governo na Câmara, Major Vitor Hugo (PSL-GO), para elevar a R$ 600 o valor. "É a demonstração de que devemos dialogar, mesmo com divergências", afirmou o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

A matéria foi aprovada simbolicamente, sem a contagem dos votos, mas de forma unânime pela indicação dos partidos durante sessão virtual da Câmara. Nenhum destaque foi aprovado.

"Conseguimos esse avanço de R$ 500 por pessoa, podendo chegar a R$ 1 mil por família e quando a mulher for provedora, para garantir a dignidade da família. Por isso nosso apoio total ao projeto", afirmou o presidente do MDB, Baleia Rossi (SP) no início da votação. "Esse é um dia histórico para o Parlamento brasileiro", afirmou o líder do PSB, Alessandro Molon (RJ).
Quem terá direito ao auxílio?

Para ter acesso ao auxílio, a pessoa deve cumprir, ao mesmo tempo, os seguintes requisitos:
Ser maior de 18 anos de idade;
Não ter emprego formal;
Não receber benefício previdenciário ou assistencial, seguro-desemprego ou de outro programa de transferência de renda federal que não seja o Bolsa Família;
Renda familiar mensal per capita (por pessoa) de até meio salário mínimo (R$ 522,50) ou renda familiar mensal total (tudo o que a família recebe) de até três salários mínimos (R$ 3.135,00); e
Não ter recebido rendimentos tributáveis, no ano de 2018, acima de R$ 28.559,70.

A pessoa candidata deverá ainda cumprir uma dessas condições:
Exercer atividade na condição de microempreendedor individual (MEI);
Ser contribuinte individual ou facultativo do Regime Geral de Previdência Social (RGPS);

Ser trabalhador informal inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico); ou
Ter cumprido o requisito de renda média até 20 de março de 2020.

Será permitido a duas pessoas de uma mesma família acumularem benefícios. Se o Bolsa Família já estiver contando como benefício, a pessoa poderá fazer a opção por um dos dois.

Já a renda média será verificada por meio do CadÚnico para os inscritos e, para os não inscritos, com autodeclaração em plataforma digital.

Na renda familiar serão considerados todos os rendimentos obtidos por todos os membros que moram na mesma residência, exceto o dinheiro do Bolsa Família.

Como o candidato ao benefício não pode ter emprego formal, o substitutivo lista o que entra neste conceito: todos os trabalhadores formalizados pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e todos os agentes públicos, independentemente da relação jurídica, inclusive os ocupantes de cargo ou função temporários, de cargo em comissão de livre nomeação e exoneração ou titulares de mandato eletivo.

Antecipação do pagamento

Para pessoas com deficiência e idosos candidatos a receber o Benefício de Prestação Continuada (BPC), de um salário mínimo mensal (R$ 1.045,00), o INSS poderá antecipar o pagamento do valor do auxílio emergencial até que seja avaliado o grau de impedimento no qual se baseia o pedido ou seja concedido o benefício. Essa avaliação costuma demorar porque depende de agendamento com médicos peritos e assistentes sociais do INSS.

Quando o BPC for concedido, ele será devido desde o dia do requerimento, e o que tiver sido adiantado será descontado.

De igual forma, o órgão poderá adiantar o pagamento do auxílio-doença, no valor de um salario mínimo mensal, durante três meses contados da publicação da futura lei ou até a realização da perícia pelo INSS, o que ocorrer primeiro.

Para ter direito a esse adiantamento, o trabalhador precisará ter cumprido a carência exigida para a concessão do benefício (12 meses de contribuição) e apresentar atestado médico com requisitos e forma de análise a serem definidos em ato conjunto da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia e do INSS.

A Federação das Câmaras dos Dirigentes Lojistas de Pernambuco (FCDL-PE) divulgou ontem uma nota em que apela para que o comércio no Estado seja reaberto. Os negócios estão fechados desde o último dia 20, por ordem do governador Paulo Câmara, como medida para evitar proliferação do coronavírus. 

Apesar do material enviado à imprensa, não foi destinado nenhum ofício ao Palácio do Campo das Princesas com a solicitação de reabertura. Nesta sexta-feira (27), o governador Paulo Câmara alfinetou os que pedem reabertura do comércio, dizendo que só pensam no próprio umbigo e não olham o povo".

No documento, a FCDL-PE pontua que o fechamento do comércio tem afetado a economia e arriscado a falência das empresas, que dependem de faturamento diário para seguir no mercado. A principal preocupação tem sido com o comércio no interior do Estado, como aquele que depende do polo de confecções.

O movimento surgiu na CDL Ipubi no sertão do Araripe através do presidente Daniel Torres que acionou a Federação pedindo o empenho das demais CDLs de todo o estado, segundo Daniel o município de Ipubi entre outros do Araripe estão vivenciando um momento difícil com o comercio fechado “a economia é a mola mestre de um País de um estado e também dos municípios, defendo o isolamento vertical dos que estão no grupo de risco, más com o comercio funcionando mesmo que seja com um controle de publico para não provocar aglomerações” afirmou Daniel.

O presidente da Federação das Câmaras dos Dirigentes Lojistas de Pernambuco Eduardo Catão se disse também empenhado para a volta do comércio "Reconhecemos e prezamos por todos os cuidados que precisam ser tomados por toda a população para a inibição do contágio do coronavírus, mas não podemos deixar de entender o estado de emergência econômica que está se estabelecendo no interior", alerta o presidente da FCDL-PE Eduardo Catão.

A iniciativa das CDLs solicita de imediato a abertura do comércio em cidades que não tem caso registrado do coronavírus, o documento solicita também do governo do estado a isenção de impostos do comercio que passa por momentos difíceis durante a pandemia.


Com Informações  do Jornal do Comércio 

A partir desta quinta-feira (26) as comunidades de Feitoria e Cacimba Nova contarão com duas ambulâncias zero quilômetro para os serviços em saúde. 

Como forma de prevenir e evitar qualquer forma contágio do Coronavírus, a Prefeitura não realizou ato de entrega oficial, como explicou o prefeito Túlio Alves por meio de vídeo, mas os veículos já estarão a serviços das comunidades nesta quinta-feira (26). 


Assessoria de Comunicação | Prefeitura de Bodocó

Em meio à pandemia do novo coronavírus (Covid-19), a população do Sertão do Pajeú ainda terá de superar outro pesadelo. As fortes chuvas desta semana deixaram um rastro de destruição em várias cidades. De acordo com o Blog do Nill Jr., uma das mais afetadas foi Afogados da Ingazeira, onde uma barragem estourou por não suportar a força das águas do Rio Pajeú. Em Carnaíba e Iguaracy, os temporais deixaram moradores isolados em alguns trechos.

Em Carnaíba, o prefeito Anchieta Patriota destacou que foram mais de 200 milímetros em menos de 48 horas. Na Vila São Geraldo, as chuvas invadiram casas. Em Serra Branca, a Barragem estourou e o volume de água chega ao Rio Pajeú. A prefeitura destinou a escola Miguel Arraes para guarda de pertences e o CRAS abriga família que precisam.

Em Sertânia, o Açude do Governo na fazenda Cachoeira, no IPA, há 16 anos não sangrava. A prefeitura está em alerta, pois tudo deságua no Rio Moxotó, que deve subir o nível. Em algumas comunidades, a chuva alcançou 140 milímetros, como no Sítio Cacimbinha, próximo à divisa com Custódia.

Em Triunfo, as chuva causaram prejuízos no Bairro Timbaúba e outras áreas. A PE 365, entre Serra Talhada e o município tem pontos de deslizamento de barreiras, ficando interditada parcialmente em alguns trechos. O estado também é de atenção. Em Serra Talhada, as chuvas fortes causam grande volume de água no Rio Pajeú. A população está apreensiva com a possibilidade de que a água invada ainda mais áreas urbanas. A área do pátio da feira da Lagoa Maria Timóteo é a mais atingida.


Blog Carlos Britto/Foto Reprodução

O Governo de Pernambuco abriu, nesta quarta-feira (25.03), inscrições para selecionar 670 profissionais de saúde para atuar no complexo hospitalar da Universidade de Pernambuco (UPE). Os profissionais serão utilizados no Hospital Universitário Oswaldo Cruz (Huoc), centro de referência em Pernambuco para o atendimento de casos da Covid-19.

A seleção foi anunciada na última segunda-feira (23), por meio do Decreto N° 48.840, como parte das ações para conter o avanço do novo Coronavírus em Pernambuco. O recrutamento é para a contratação de enfermeiros, nutricionistas, farmacêuticos, biomédicos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, médicos intensivistas, clínicos, infectologistas e pediatras, além de técnicos em enfermagem e flebotomistas.

As inscrições gratuitas são feitas, exclusivamente, pelo site www.upenet.com.br. O processo seletivo, realizado em uma única etapa eliminatória e classificatória em avaliação curricular, terá validade de 12 meses, podendo ser prorrogável por igual período. A convocação para as contratações será através de publicação no Diário Oficial do Estado e através de e-mail dirigido ao endereço eletrônico constante na ficha de inscrição do candidato classificado.

O resultado final será divulgado no dia 04 de abril. O certame, executado pela Universidade de Pernambuco - UPE, está regido pela Portaria Conjunta SAD/UPE no 036, de 24 de março.

O Complexo Hospitalar da UPE é composto pelo Hospital Universitário Oswaldo Cruz (Huoc), pelo Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (Cisam) e pelo Pronto Socorro Cardiológico Universitário (Procape). O candidato que não atender à convocação para a sua contratação, no prazo máximo de três dias úteis, juntamente com a apresentação dos documentos para a comprovação dos requisitos para a contratação, citados no Edital, será considerado desistente, sendo automaticamente excluído do processo seletivo simplificado e será imediatamente convocado outro candidato, respeitadas a classificação geral dos candidatos aprovados.

O combate ao Covid-19 é feito em praticamente todas as cidades pernambucanas. Em Bodocó, as equipes da Vigilância em Saúde estão monitorando os passageiros e intensificaram o trabalho de orientação, cadastrando as pessoas que chegam no município, principalmente de regiões mais infectadas pelo novo Coronavírus.

Na rodoviária, a equipe utiliza um termômetro infravermelho, que mede a temperatura corporal sem contato físico. Durante as abordagens a Polícia Militar está dando suporte aos profissionais de saúde.


Blog Nossa Voz

O deputado estadual Antonio Fernando (PSC) segue na linha de frente do combate ao Coronavírus (Covid-19). Nesta semana, o deputado realiza uma ação efetiva para barrar o avanço da pandemia no Estado, principalmente, no Araripe. Antonio Fernando encaminhou requerimento à Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) para relocação de mais de meio milhão de reais de valores de suas emendas para a área de saúde, em especial, para o combate ao Coronavírus. 

A solicitação de Antonio Fernando à Alepe envolve a relocação de valores de emendas num total de R$ 568,4 mil. Os recursos serão direcionados – em sua maior parte - ao Hospital Regional Fernando Bezerra, de Ouricuri. A unidade de saúde, que atende todo o sertão do Araripe, será beneficiada com R$ 348,4 mil para a reforma e ampliação de suas estruturas, melhorando diretamente o atendimento à saúde na região.

Além dos recursos para a reforma e ampliação das estruturas, o deputado Antonio Fernando também relocou verbas de emendas - no valor de R$ 160 mil - para a compra de ambulâncias, uma delas especificamente para o Hospital Regional Fernando Bezerra. Recursos de outras emendas foram ainda relocados pelo deputado para destinar R$ 60 mil para aquisição de insumos destinados à UTI do Hospital Santa Maria, de Araripina. 


Os valores desta relocação se somam a mais R$ 800 mil que o deputado já havia destinado anteriormente, atingindo um total acima de R$ 1,3 milhões em emendas parlamentares de Antonio Fernando só para a área de saúde. “Neste momento, o nosso objetivo com essa relocação de emendas é dar prioridade total à melhoria do atendimento à saúde de nossa população. Também queremos priorizar uma efetiva aplicação dos recursos no enfrentamento ao Coronavírus, urgência maior em nosso Estado e no País inteiro”, concluiu o deputado Antonio Fernando.


Assessoria Parlamentar de Comunicação

As distribuidoras de energia elétrica de todo país estão proibidas de cortar a luz de consumidores inadimplentes pelos próximos três meses.

A decisão foi publicada nesta terça-feira pela reguladora do setor. De acordo com a Aneel, Agencia Nacional de Energia Elétrica, a medida é para garantir a continuidade do serviço de distribuição, mas também pretende proteger consumidores e funcionários das concessionárias em meio ao cenário de pandemia do novo coronavírus.

A suspensão do fornecimento por inadimplência vale para todas as residências, urbanas ou rurais, e também locais onde funcionam serviços e atividades consideradas essenciais, como hospitais, unidades de saúde e centrais de captação e tratamento de esgoto e de lixo.

Mas atenção: a proibição de corte de energia não impede medidas de cobranças de débitos vencidos, inclusive a negativação dos inadimplentes em cadastros de crédito.

No conjunto de medidas, a Aneel permite que as distribuidoras suspendam temporariamente o atendimento presencial ao público. Já os serviços por telefone e online devem ser mantidos.

As faturas mensais impressas, entregues no endereço dos consumidores, estão suspensas. A distribuidora deverá enviar aos consumidores faturas eletrônicas ou o código de barras por meio de canais eletrônicos e disponibilizá-las em seu site ou aplicativo.

Tem também mudança na leitura. As distribuidoras estão autorizadas a não realizar as leituras do consumo. Neste caso, o faturamento será feito com base na média do consumo nos últimos 12 meses. A distribuidora deverá ainda disponibilizar meios para que o consumidor possa informar a autoleitura do medidor, em alternativa ao faturamento pela média.

Todas as medidas têm validade de 90 dias, mas podem ser prorrogadas.



Renata Martins/radio Agência Nacional

O Banco do Brasil está atento às demandas dos clientes e comprometido em propor soluções para minimizar eventuais impactos causados pela crise do novo coronavírus no País. 

Alertamos que devido à gravidade do momento, as agências podem estar fechadas ou com horário de atendimento diferenciados.

Evite ir às Agências O momento é de evitar deslocamentos, avalie a urgência de ir a uma agência; Use seu cartão do INSS para compras no débito Estabelecimentos, como mercados e farmácias, aceitam a função débito. Então, não precisa sacar para comprar. Basta usar seu cartão e digitar a senha, a mesma usada para o saque; Se precisar mesmo sacar, use os terminais Não precisa ir à agência para sacar.
Use os terminais eletrônicos ou correspondentes bancários mais próximos. Você pode sacar em qualquer terminal do Banco do Brasil ou Banco 24Horas, sem cobrança de tarifa ;Faça Prova de Vida depois Não é preciso realizar prova de vida neste período, pois o INSS não bloqueará os benefícios nos próximos 120 dias; Use nossos canais digitais Baixe o aplicativo do BB para realizar movimentações financeiras, evitando pagamentos em dinheiro.



Nessa segunda-feira (23), foi protocolado no gabinete do Prefeito de Trindade, uma sugestão de projeto de lei “Programa Vacinação do Idoso em casa”, durante as campanhas de saúde realizadas no município no período de propagação do Covid-19 (coronavírus).

O autor do Projeto, conhecido como  Lenildo Carneiro afirmou que vacinar os idosos em casa é mais segurança para o referido grupo de risco “Justifica-se que Diante da pandemia do Coronavírus, e pensando em proporcionar aos idosos mais comodidade, dignidade e segurança, haja vista que se encontram no grupo de risco, decidi sugerir ao prefeito um projeto de lei, para que os idosos recebam as vacinas de programas do município em suas casas” justificou Lenildo.

O Projeto em questão, foi disponibilizado pela Dra. Mônica Lopes e redigido na modalidade de indicação, ou seja, qualquer cidadão, independente de ser ou não vereador, poderá indicá-lo ao prefeito. Assim, no intuito de contribuir com o município, diante do surto viral.




O governador do Estado, Paulo Câmara, anunciou, no final da manhã de hoje (23), mais uma série de medidas que vão impactar diretamente no controle da epidemia Covid-19. No pronunciamento, o governador determinou a contratação de 4.729 profissionais da área de Saúde, a abertura de duas seleções públicas, o repasse de R$ 11 milhões para a Assistência Social e Saúde e a edição de um novo decreto impedindo o transporte de passageiros em mototáxis e proibindo as reuniões e aglomerações para grupos com mais de 10 pessoas.

De acordo com o decreto, serão convocados 4.729 profissionais para reforçar o sistema de saúde. Serão contratados 430 médicos e 1.552 outros profissionais de diversas áreas, aprovados no último concurso. Esse pessoal vai fortalecer toda a rede pública de Saúde, inclusive o Hemope e o Hospital Oswaldo Cruz.

O governador também autorizou a realização imediata de duas seleções públicas simplificadas para a contratação de 2.747 novos profissionais. A primeira seleção, para a Secretaria de Saúde tem previsão para 160 vagas para médicos e 1.917 vagas em outros cargos.

A segunda seleção será feita pela Universidade de Pernambuco – UPE e vai contratar 65 médicos e 605 para profissionais como enfermeiros, nutricionistas, farmacêuticos, biomédicos, fisioterapeutas, técnicos em enfermagem, entre outros.

“Todo esse time vai compor o atendimento nas unidades existentes e nas que estamos abrindo para enfrentar a epidemia do novo Coronavírus. Além disso, estamos repassando onze milhões de reais para ajudar as ações de saúde e assistência social dos municípios pernambucanos”, afirmou o governador que reforçou: ”quero ainda ressaltar que nossa melhor estratégia de combate à disseminação do vírus nesse momento é o isolamento social”.

Consta do novo decreto a proibição de reuniões e as aglomerações para grupos com mais de 10 pessoas, além de impedir o transporte de passageiros com a utilização de mototáxis. O governador informou que o Estado está repassando R$ 11 milhões para ajudar as ações de Saúde e Assistência Social dos municípios pernambucanos.

A Secretaria de Saúde de Bodocó, por meio da Vigilância em Saúde, em cumprimento as medidas adotadas no âmbito municipal e estadual, tem intensificado ações de prevenção e de enfrentamento ao Coronavírus, na cidade.
A equipe de técnicos da Vigilância realizou nesse domingo (22) na Rodoviária, barreira sanitária em ônibus e transportes coletivos que chegaram ao município de outras regiões do país.
Com o apoio da Polícia Militar, a equipe avaliou os passageis sobre possíveis sintomas do Coronavírus, realizou a medição da temperatura corporal, através de termômetros a lazer (que evitam o contato direto), bem como realizou orientações sobre cuidados com a higienização e a importância da quarentena e isolamento social.
Cada passageiro foi cadastrado e notificado quanto a importância de seguir as orientações, bem como as penalidades decorrentes do não cumprimento.

As viagens intermunicipais que saem da Região Metropolitana do Recife com destino ao interior estão proibidas. Os ônibus só continuam saindo do Terminal Integrado de Passageiros (TIP) para destinos dentro da RMR e para outros estados do Brasil. 

O decreto assinado pelo governador Paulo Câmara na última sexta começa a valer a partir de hoje. Na manhã desta segunda-feira (23), o movimento é bastante tranquilo no TIP.

O mesmo decreto definiu que o serviço de transporte complementar só está permitido no interior do estado, e mesmo assim se o prefeito local comprovar a natureza de emergência da viagem. A medida não tem prazo de validade e visa a combater a propagação do novo coronavírus.

Quem não sabia da mudança foi pego de surpresa.


Radio Jornal 

Em continuidade ao trabalho de compelir as gestões municipais a adotar providências para elaborar e aplicar os Planos de Contingência Municipais para a contenção do Covid-19, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) recomendou a mais 26 prefeitos a criação e efetivação dos planos, com a definição de iniciativas para reduzir o risco de transmissão do Coronavírus e prover informação e atendimento adequados à população local.

Confira as cidades: Triunfo, Santa Cruz da Baixa Verde, Arcoverde, Serra Talhada, Exu, Serrita, Afogados da Ingazeira, Solidão, Feira Nova, Chã Grande, Itapetim, Brejinho, Itapissuma, Lagoa de Itaenga, Tamandaré, Buíque, Tupanatinga, São Lourenço da Mata, São José do Belmonte, Água Preta, Xexéu, Salgueiro, Águas Belas, Sertânia, Abreu e Lima e Orobó.

As recomendações já estão sendo expedidas em consonância que o que prevê a Recomendação PGJ nº03/2020, por meio da qual o MPPE orientou os promotores de Justiça a mobilizar as administrações municipais para se integrar no esforço de contenção da pandemia do Coronavírus. No dia 18 de março já haviam sido expedidas recomendações para 11 prefeitos, totalizando 37 municípios em que o MPPE já cobrou a medida.

“O grande fato que precisa ser esclarecido é que os casos suspeitos leves podem não necessitar de hospitalização. Esses casos podem acompanhados pela atenção primária dos municípios, mas para isso é indispensável a qualificação dos profissionais desses serviços seguindo as orientações do Ministério da Saúde e da Secretaria Estadual de Saúde (SES); definição de fluxos de trabalho; distribuição dos equipamentos de proteção individual (EPIs); e levantamento da capacidade das redes de atendimento de cada cidade. São esses pontos que devem constar desses planos municipais”, detalhou o coordenador do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça da Saúde, Édipo Soares.

Os Planos de Contingência Municipais devem conter, no mínimo, os elementos previstos pela SES e um cronograma de implantação das providências. O MPPE também recomendou que as equipes de saúde municipais devem fiscalizar e efetuar a notificação obrigatória dos casos suspeitos do Covid-19, bem como informar quadros de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG1) no Sistema de Informação da Vigilância Epidemiológica da Gripe.

Outra medida recomendada aos prefeitos é dar conhecimento ao público sobre a Ouvidoria do SUS e prover material informativo com orientações sobre as formas de transmissão, sintomas do Covid-19 e quais são as unidades de saúde que devem ser procuradas pelos moradores. Como meio de assegurar que sejam repassadas as informações cientificamente comprovadas e atualizadas, os municípios devem se basear nos informes oficiais da SES, disponíveis no site www.cievspe.com/novo-coronavirus-2019-ncov.

Por fim, os promotores de Justiça das 26 cidades recomendaram que o poder público mantenha estoques estratégicos de EPIs, medicamentos e oxímetros; defina equipes de profissionais para ações de vigilância, como agentes de endemias e agentes comunitários de saúde; e promova capacitação dos profissionais da atenção básica.

Todos os gestores municipais devem comunicar às Promotorias de Justiça locais, em até sete dias, quais providências foram adotadas. A resposta ao MPPE deve conter detalhamento técnico das ações, bem como informar sobre medidas adicionais que tenham sido empregadas pelos municípios.

As recomendações para esses prefeitos foram publicadas no Diário Oficial Eletrônico do MPPE desta quinta-feira (19).

Aglomerações – no caso das cidades de Exu, Serrita, Afogados da Ingazeira, Solidão, Itapetim, Brejinho, Tamandaré, São José do Belmonte, Água Preta, Xexéu, Águas Belas, Sertânia, Abreu e Lima e Orobó, os promotores de Justiça também recomendaram aos prefeitos que atuem para dar cumprimento aos Decretos Estaduais nº 48.809/2020 e nº 48.822/2020, que proíbem a aglomeração de pessoas como medida preventiva para conter a disseminação do Coronavírus. Os prefeitos devem adotar todos os meios legais necessários e suficientes para evitar a realização de quaisquer eventos públicos com 50 pessoas ou mais.

A Promotoria de Justiça de Flores também recomendou as mesmas providências descritas acima aos prefeitos de Flores e Calumbi.


Por G1 Petrolina/Foto Ilustrativa

Três pessoas foram baleadas na noite da quarta-feira (18) no município de Trindade, Sertão de Pernambuco. De acordo com informações do Boletim de Ocorrência da Polícia Militar, as vítimas estavam jogando baralho na calçada de casa, na Rua Santa Tereza, Vila São Sebastião, quando dois homens chegaram em uma motocicleta atirando várias vezes.

Uma das vítimas foi atingida no tórax e braço direito, o outro homem tomou um tiro no obro e o terceiro foi atingido na mão. Os três foram levados para o Hospital de Ouricuri, onde a vítima que recebeu dois tiros passou por cirurgia. Os outros dois homens estão fora de risco.

De acordo com a polícia, uma das vítimas disse que conhecia um dos autores do crime. No entanto, até o momento, ninguém foi preso. A possível motivação do crime não foi divulgada.

O Sesc Ler Bodocó e o Sesc Ler Araripina, diante da pandemia do Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, irão suspender a partir desta quarta-feira (18/3) as aulas e algumas das atividades agendadas para este mês de março no Sertão do Araripe. O objetivo é evitar aglomerações em ambientes fechados e preservar a saúde dos funcionários e do público que frequenta a instituição.

As aulas das unidades serão suspensas em respeito ao decreto estadual de medidas preventivas ao Coronavírus. A previsão é que as aulas sejam retomadas no dia 31 de março. Os cursos e oficinas de cultura também estão temporariamente com aulas suspensas. Pelos próximos quinze dias as maratonas recreativas, as reuniões com grupos de idosos e demais atividades voltadas para este público não ocorrerão. A academia de musculação do Sesc Ler Araripina também terá atividades suspensas neste período.

A Secretaria de Desenvolvimento Agrário de Pernambuco (SDA) enviou novo comunicado às prefeituras e organizadores de feiras de animais em 29 municípios pernambucanos recomendando a suspensão desses eventos. A orientação abrange os municípios de Águas Belas, Afogados da Ingazeira, Brejinho, Buíque, Cachoeirinha, Capoeiras, Caruaru, Custódia, Dormentes, Itaíba, Jataúba, João Alfredo, Jucati, Lagoa do Carro, Limoeiro, Manari, Ouricuri, Parnamirim, Saloá, Santa Cruz, Santa Cruz da Baixa Verde, Santa Cruz do Capibaribe, São Bento do Una, São João, Sertânia, Surubim, Tabira, Tupanatinga e Vitória de Santo Antão.
A medida leva em consideração a nova determinação do Governo de Pernambuco de suspender a realização de eventos com público superior a 50 pessoas e a suspensão, pela Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária (Adagro), da emissão das Guias de Trânsito Animal (GTAs), assim como das multas decorrentes do não porte das GTAs.
O secretário de Desenvolvimento Agrário, Dilson Peixoto, esclarece que as medidas são necessárias em virtude da política de prevenção à pandemia mundial do Covid-19 adotada pelo Governo do Estado. “Pernambuco já teve, até a última terça-feira, 19 casos confirmados do novo Coronavírus, com o registro do primeiro caso de transmissão comunitária, o que motivou o governador Paulo Câmara a intensificar o rigor das medidas adotadas até agora”, explicou.

Blog do Roberto Gonçalves

Está circulando um novo golpe na internet no qual informa aos usuários do Programa Bolsa Família que, ao fornecerem seus dados e compartilhar um link, eles terão direito a R$ 470,00 para a compra de itens de higiene para o combate ao novo coronavírus (Covid-19).
A Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude de Pernambuco emitiu um alerta informando a população sobre o novo golpe, alertando para não fornecer seus dados nem abrir links nesse sentido. A Pasta também pede aos beneficiários para não fazer cadastro com o intuito de supostamente receber alguma parcela extra do beneficio.
Blog Carlos Britto/Imagem Ilustrativa


Presidida por Ubirajara Araripe, Secretariado pelas vereadoras Pollyana Sá (1ª Secretaria) e Havana Helena (2ª Secretaria)

CONFIRA O ÁUDIO DA REUNIÃO NA INTEGRA

PAUTA DA REUNIÃO

MATÉRIAS DO PODER LEGISLATIVO

Não havendo mais nada a ser discutido, a 5ª reunião ordinária da Câmara de Vereadores foi encerrada, e com seus trabalhos suspensos pela prevenção do Coronavirus (COVID-19).
O presidente Ubirajara frisou que, com alguma pauta importante ou que venha de interesse da população, a câmara irá realizar reuniões extra-ordinárias para discussão e votação das mesmas. 
A volta das reuniões vai ser divulgada em breve.

Por Portal do Araripe / André Nascimento

A economia pernambucana recebe reforço, nesta quarta-feira, com a injeção de mais de R$ 51 milhões referente ao pagamento da segunda turma que vai receber o Décimo Terceiro do Bolsa Família. Esta etapa contempla os beneficiários que fazem aniversário nos meses de maio, junho, julho e agosto. Os pagamentos seguem até o dia 31 deste mês e para saber o dia certo, o beneficiário deve observar o final do Número de Identificação Social, que está nos cartões do Bolsa Família.

Vale destacar que os pagamentos serão feitos nas agências da Caixa Econômica, nas lotéricas, terminais de autoatendimento e estabelecimentos alternativos credenciados. Ou seja, nos mesmos locais onde o beneficiário já costuma receber o valor pago mensalmente pelo Governo Federal. O limite do benefício estadual é de R$ 150,00.

“Neste segundo mês de pagamento, vamos contemplar 395.930 famílias que são beneficiárias em todo o Estado. Os recursos chegam num momento importante, em que aquelas famílias que já sentem o reflexo com a falta de atividades no trabalho informal em virtude dos cuidados que estão sendo adotados para prevenção do Coronavírus, terão uma renda extra”, destaca o secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude, Sileno Guedes.

Vale reforçar que a parcela extra será concedida para todas as famílias pernambucanas que tenham permanecido regulares no Bolsa Família por pelo menos cinco meses entre março e janeiro deste ano. O valor da parcela é igual ao valor do benefício federal, no limite máximo de R$ 150. Quem recebe abaixo, porém, teve a oportunidade de atingir o valor do limite, caso tenha feito o cadastro dos seus CPFs em notas fiscais.

No estado, 1.125.559 estão no cadastro, de acordo com o último dado atualizado pelo Ministério do Desenvolvimento Social, e que correspondem a 34,5% da população pernambucana. Essas famílias contarão com até R$ 150 a mais nos seus benefícios mensais. O saque deve ser feito em até 120 dias da data do recebimento.

Caso o beneficiário tenha dúvidas sobre o assunto, a Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude oferece os serviços da Ouvidoria Social, no 0800.081.4421. O contato pode ser feito por telefones fixos e móveis e, no atendimento, é possível conferir quanto e quando o usuário vai receber o dinheiro.

Em abril, os pagamentos serão realizados entre 16 e 30 daquele mês, com exceção dos sábados e domingos. Será o último lote de pagamento, que vai ser direcionado para quem nasce nos meses de setembro, outubro, novembro e dezembro.
ALERTA A GOLPE

Está circulando um novo golpe sobre o pagamento da 13º parcela do Bolsa Família através de aplicativos de conversa instantânea. A armadilha informa que o beneficiário terá direito a sacar R$ 470 para compras de itens de higiene em combate ao Coronavírus e o induz a acessar a um link de agendamento. A Secretaria estadual de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ) alerta que os usuários do programa não devem fornecer dados, abrir links nesse sentido ou preencher cadastros para agendamento de saques. As informações oficiais sobre o pagamento da parcela extra do Bolsa Família são publicadas apenas no site da SDSCJ, no link www.sdscj.pe.gov.br , e nas redes sociais do órgão.

O pré-candidato a prefeito de Ouricuri, Lenarte Coelho (Botinha), deu mais um passo rumo à disputa pela prefeitura de Ouricuri, no Araripe. Um encontro interno com pré-candidatos e lideranças se transformou num evento com a participação de quase 500 pessoas de todo o município. Ao lado do deputado Antonio Fernando (PSC), Botinha reuniu o grupo para apresentar os avanços da pré-candidatura e encerrar com a especulação de que não estaria apto a disputar o pleito em 2020.


“Tomamos o cuidado de reunir advogados de alto nível para fazer uma análise séria e acabar de vez com essa história: sou pré-candidato, plenamente elegível e seguiremos firmes na disputa pela prefeitura de Ouricuri”, comemorou Botinha. Durante o evento, os advogados Antonio Ribeiro Junior; Alan Pereira de Sá; Giorgio Gonzalez; e Giancarlo Barbosa foram unânimes em afirmar que “não existem dúvidas de que Botinha é elegível e a pré-candidatura deve seguir normalmente no pleito de 2020”.


“Essa postura responsável e transparente de Botinha foi fundamental para seguirmos lado a lado nesta pré-candidatura vitoriosa. Com esta análise jurídica clara de que Botinha é elegível, enterramos de vez com as falsas especulações”, afirmou o deputado Antonio Fernando. “Para mim, esta questão da elegibilidade já é uma página virada. Com esse posicionamento de juristas de alto nível, não temos qualquer razão para nos preocupar com isso”, afirmou Botinha. “Agora, seguimos firmes para, com fé em Deus e o apoio do povo, levar nossas propostas para a população e avançar no rumo da vitória”, concluiu o pré-candidato.


Assessoria de Comunicação

A Diocese de Salgueiro, no Sertão de Pernambuco, suspendeu até o dia 31 de março algumas atividades nas paróquias da região. A medida foi tomada para conter a pandemia do Covid-19. A cidade registrou quatro casos considerados suspeitos para o novo coronavírus e nenhum confirmado pelo Ministério da Saúde.

As atividades suspensas incluem a catequese (Primeira Eucaristia, Prisma e Catequese de Adultos), encontros de formação, reuniões (vias-sacras e encontros da Campanha da Fraternidade) e do Sacramento da Confissão. As celebrações dominicais, dependendo das condições, poderão ser realizadas ao ar livre.

As pessoas a partir de 60 anos, que se enquadram no grupo de risco, estão dispensadas de participar presencialmente das celebrações eucarísticas. O decreto orienta os fiéis católicos a se cumprimentarem apenas com aceno ou sorriso, não dar as mãos ao rezar o Pai Nosso e a evitar abraços.



Por G1 Petrolina/Foto: Vicente A. Queiroz

O Governo de Pernambuco decretou situação de emergência em 54 municípios afetados pela estiagem. Publicado no Diário Oficial do Estado de Pernambuco deste sábado (14), o decreto é importante para que os municípios afetados recebam recursos emergenciais para a redução dos impactos da seca. A situação de emergência é pelo período de 180 dias.

O decreto considerou situações emergenciais como 'o baixo volume das reservas hídricas de superfície na região', 'os impactos ocasionados decorrentes das perdas na agropecuária' e 'ainda que os habitantes dos municípios afetados não têm condições satisfatórias de superar os prejuízos provocados pelo evento adverso, haja vista a situação socioeconômica desfavorável da região".

Conforme a publicação, "compete ao estado a preservação do bem estar da população e das atividades socioeconômicas das regiões atingidas por eventos adversos, bem como a adoção imediata de medidas para enfrentar situações emergências". Desta forma, os órgãos estaduais localizados nas áreas atingidas devem adotar as medidas necessárias em conjunto com órgãos municipais.

Os municípios que estão em situação de emergência são os seguintes: Afogados da Ingazeira, Afrânio, Araripina, Arcoverde, Belém de São Francisco, Betânia, Bodocó, Brejinho, Cabrobó, Calumbi, Carnaíba, Carnaubeira da Penha, Cedro, Custódia, Dormentes, Exu, Flores, Floresta, Granito, Ibimirim, Iguaracy, Lagoa Grande, Manari, Mirandiba, Orocó, Ouricuri, Parnamirim, Petrolândia, Petrolina, Quixaba, Salgueiro, Santa Cruz, Santa Cruz da Baixa Verde, Santa Filomena, Santa Maria da Boa Vista, Santa Terezinha, São José do Belmonte, Serra Talhada, Serrita, Sertânia, Solidão, Tabira, inajá, Ingazeira, Ipubi, Itacuruba, Itapetim, Jatobá, Tacaratu, Terra Nova, Trindade, Triunfo, Tuparetama e Verdejante.


Por G1 Petrolina/Foto: Joalline Nascimento/G1

O governador Paulo Câmara anunciou, em entrevista coletiva na noite desta segunda-feira (16), no Palácio do Campo das Princesas, novas medidas sanitárias para diminuir o contágio do coronavírus, diante do aumento dos casos confirmados no Estado. Subiu para 18 o número de pessoas infectadas em Pernambuco pelo novo vírus em circulação. Por conta disso, o Governo decretou a suspensão das aulas em toda a rede estadual de educação, pública e privada, já a partir da próxima quarta-feira (18), por tempo indeterminado.

Na entrevista, o governador detalhou o crescimento dos casos e as medidas adotadas: "Desses dez novos casos, três foram de transmissão local. Nós tínhamos apenas um desse modo, e passamos, portanto, para quatro. Os demais casos são de pessoas que estiveram em locais fora de Pernambuco e adquiriram o vírus naqueles locais, ou seja, importados. Na data de hoje, tivemos dois casos em Jaboatão dos Guararapes e um caso em Belo Jardim, de uma pessoa que tinha estado no exterior e contraiu o vírus lá, mas é residente naquele município do Agreste”, explicou Paulo Câmara.

O governador também informou as medidas tomadas em relação ao transporte público, segundo ele, após uma reunião com as concessionárias e permissionárias de ônibus e donos de empresas. “Foram acertadas medidas relativas à higienização dos coletivos ao final de cada viagem. Isso vai triplicar a higienização que hoje já é feita, e também vamos intensificar ações que já foram autorizadas, como a limpeza dos terminais e das estações, além de continuar e ampliar a campanha de conscientização junto aos usuários em relação ao transporte público", disse.

Paulo Câmara também sinalizou para um possível desfecho da situação do navio de cruzeiro Silver Shadow, que se encontra parado no Porto do Recife, em quarentena. “Tivemos diversas reuniões por telefone em relação ao cruzeiro, várias tratativas com o Ministério da Saúde e da Defesa. A nossa expectativa é de que amanhã (17) tenhamos uma solução para esse caso”, concluiu.

O secretário estadual de Saúde, André Longo, apresentou os números da doença no Estado. Ao todo, foram 183 notificações, sendo 81 casos descartados, 81 em investigação e três prováveis (pessoas investigadas que tiveram contato próximo ou domiciliar com caso confirmado). Segundo André Longo, no acompanhamento dessa enfermidade aqui em Pernambuco, outras medidas poderão ser tomadas, de acordo com a avaliação do cenário, que é feita diariamente pelo Governo do Estado. "Queria enfatizar o reforço necessário e o cuidado com os idosos, além das pessoas que têm doenças crônicas, como cardiopatias ou problemas renais, que precisam guardar um maior isolamento, uma maior restrição no convívio social", advertiu o secretário. Somam 19 os casos notificados de pessoas acima de 60 anos de idade em Pernambuco.

Estiveram também presentes à entrevista, ajudando a esclarecer as novas medidas, o procurador-geral do Estado, Ernani Médici, e os secretários Marcelo Bruto (Desenvolvimento Urbano e Habitação), Fred Amâncio (Educação) e José Neto (Casa Civil), bem como o secretário de Saúde do Recife, Jailson Correia.


ASCOM

Vice-presidente nacional do Solidariedade, o deputado federal Augusto Coutinho tem trabalhado para ampliar a inserção do partido em Pernambuco. Com foco na disputa em Ouricuri, ele filiou, hoje, o empresário Lenarte Coelho (Botinha), e anunciou o apoio à pré-candidatura dele a prefeito da cidade. Participou do ato de filiação o deputado estadual Antônio Fernando.

“Botinha é um empresário bem-conceituado na região e vem de uma família que tem histórico político na cidade com vários serviços prestados. A gente fica feliz em ter este quadro agora no Solidariedade como pré-candidato a prefeito. Uma liderança com tradição competência e muita vontade de governar seu povo”, disse o deputado Augusto Coutinho.


Blog Cariri Filho

O governador Paulo Câmara determinou, por meio de decreto, neste sábado (14.03), a suspensão temporária de eventos com público acima de 500 pessoas em Pernambuco, como uma das ações para o enfrentamento emergencial contra o coronavírus. A medida é apenas uma, entre várias que foram anunciadas pelo chefe do Executivo estadual, após reunião realizada no Palácio do Campo das Princesas com o comitê de acompanhamento da Covid-19.

Na ocasião, Paulo também informou que foram confirmados outros cinco casos do novo coronavírus. Com a confirmação desses casos, o Estado possui agora sete pessoas infectadas pelo Covid-19. Outros 40 casos já foram descartados e 44 continuam em investigação, além de 12 prováveis (pessoas investigadas que tiveram contato próximo ou domiciliar com caso confirmado). Com isso, totalizam 103 notificações entre 25 de fevereiro e a manhã deste sábado (14.03).

“Desde o início dessa crise de saúde mundial, o Governo de Pernambuco tem tomado medidas que precisam ser validadas a cada dia. Hoje, foram confirmados outros cinco novos casos e tivemos o primeiro por meio de transmissão local. Por isso, estamos reforçando as ações para que haja diminuição de aglomerações, com o objetivo de dificultar a propagação da doença. Mais uma vez pedimos a colaboração da população para se engajar nesse esforço pelo bem-estar de todos”, afirmou o governador Paulo Câmara, destacando que o decreto também determina que os jogos de futebol que ocorrerem a partir deste domingo (15/03), serão realizados sem a presença da torcida.

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget